quarta-feira, junho 27, 2007




A bem dizer...


Encontrei o blogue da Marina através do Canto do Vento. Numa das últimas entradas, a Marina diz assim:

"A Escola. Uma grande parte de mim.No entanto, raramente falo dela neste meu sítio.Não porque quero, de forma alguma, esconder dos outros esse Universo que é para mim de tão grande importância, mas porque prefiro, na maioria das vezes, protegê-lo da exposição pública que este meu blog proporciona.Diversas vezes tive vontade de escrever aqui algumas linhas sobre o meu modo de sentir e viver a Escola. Hoje, depois de ler aqui o texto da Matilde, com quem tantas vezes partilhei opiniões, dúvidas, tristezas e esperanças, achei que era o momento."

Pois o que eu pedia à Marina é que escrevesse sobre a escola, sobre a relação pedagógica, esse universo que a investigação diz ser tão difícil de descrever. Não só pelo universo em si, mas também pelo que esta escrita nos pode iluminar sobre a profissionalidade docente, nas suas mais diversas dimensões e componentes.
O material que vamos deixando na net pode ser fonte de inspiração para projectos de investigação de outros colegas que se interessem por estas áreas de investigação. Sobre outros universos qualquer pessoa pode escrever, sobre o mundo da escola, os professores estão numa posição privilegiada e única.
Além disso, se a Escola é uma grande parte de nós, então, o melhor mesmo é que nos entendamos com ela, que a descrevamos, que a perscrutemos, como forma de nos entendermos a nós próprios.

3 comentários:

josé manuel faria disse...

Não conhecia o seu blogue, parabéns é muito bom.

Obrigado pela visita ao rupturavizela.

Paideia disse...

Eu tb não conhecia o seu. Fui lá hoje e à entrada encontrei... um dos ícones da minha juventude! UAU! É cerca de 4 anos mais novo que eu e lembro-me dele, na cidade universitária, ainda era um rapazinho do liceu.

Marina disse...

Idalina, confesso que foi estranho encontrar as minhas palavras aqui...
A falta de tempo, só hoje me permitiu responder...

É certo que estou numa posição privilegiada para poder escrever mais sobre a escola, as razoes para não o fazer acho que já as disse...
Na minha opinião, os professores são acima de tudo pessoas, que podem partilhar muitos outros Universos para alem da escola. É uma opção.
Já reparei que fez uma ligação para o meu cantinho, espero que queira partilhar tudo o resto que me vai ocorrendo escrever. ;-)

E quanto à dificuldade em investigar o Universo da Escola, entendo, sinceramente, que, muitas vezes, nos preocupamos mais em dissecar as coisas que em senti-las.
Se o fizéssemos, seria, provavelmente, mais fácil mas, acima de tudo, mais genuíno!

Peço desculpa pelo grande comentário.

Ate breve, espero!